Mantra Projetivo

Os antigos iniciados hindus chamavam o projetor consciente de "DWIDJA", aquele que é "duas vezes nascido". Isto é, aquele que é renascido das entranhas de si mesmo, que era um homem comum e que é agora um homem espiritual, renovado; pois venceu conscientemente os limites do corpo físico. Na verdade, dwidja é um mantra projetivo excelente e era muito usado pelos projetores hindus do passado.

Há uma técnica projetiva baseada neste mantra, que me foi passada por um dos amparadores do grupo extrafísico de Ramatís. Consiste no seguinte: deitado confortavelmente, de olhos fechados e com a mente bem serena, o projetor deve visualizar um quadro azul-celeste à sua frente e escrever mentalmente nele "DWIDJA", em letras douradas. Mantendo essa imagem na mente, o projetor deve repetir mentalmente no chacra frontal, como se sua voz mental vibrasse nele, o mantra dwidja, várias vezes. Faça isso por cerca de cinco minutos, sem quebrar a concentração neste mantra. Após isso, deixe a mente solta e caia no sono pensando em flutuar.

Tenha a perseverança e não se esqueça de chamar mentalmente os amparadores para ajudá-lo em qualquer destas práticas espirituais.

 

Informações Complementares:
1. Colaboração/Fontes:  IPPB; Viagem Espiritual II - Wagner Borges.